3.2.11

O tempo massacra

O que é o tempo?
Será que se resume apenas à contagem dos segundos, minutos, horas, dias, meses, anos...?!
...
Preciso libertar-me do relógio, sair da rotina, inventar novas formas de viver.
Necessito regarregar baterias.
E só conheço uma forma infalível de o conseguir:
VIAJAR.
Esta é, na verdade, a coisa que me está a fazer falta.
Preciso ver coisas novas, apanhar ares diferentes - mais quentes? - as viagens inspiram-me sempre.
Quero viajar. Quero ver museus, cidades, pessoas diferentes, contactar com outras realidades e climas.
Oxalá me liberte do Mestrado, que nesta fase não passa de uma corrente que insiste em prender-me.
Depois disso espero mesmo que a minha vida, tal como a desejo, comece.
É que tenho divagado e empatado nos últimos anos, um pouco sem saber ao certo o que me reservava a vida.
Felizmente consegui traçar um caminho, que me satisfaz, mas está demorado começar a percorrê-lo... queria já saltar à fase seguinte.
Sou impaciente por natureza, mas aos 33 anos não podemos empatar mito mais, há que ter o rigor de definir objectivos e esmerar-me para alcança-los.
Aqui estou eu, a menos de 5 meses de poder saltar à fase seguinte.
Que passe rápido, o tempo, esse tempo que me tortura a cada segundo...preciso de libertar-me dele, para poder vencê-lo.
Haja saúde, paciência, vontade e... tempo para lá chegar!

13.12.10

Já à algum tempo que não escrevo aqui...

...e isso deve-se, sobretudo a 3 coisas:
1º ando mais no facebook (alguns jogos para espairecer) e a pesquisar coisas para os trabalhos;
2º o Diogo precisa da minha atenção;
3º falta de paciência para escrever o que quer que seja.

De qualquer forma, aproveito para dizer que o mais pequeno tem 8 meses, o mais velho fez 7 anos, eu tb estou um ano mais velha... a vida não pára!
O Diogo iniciou agora a gatinhar, é um comilão de primeira e, felizmente, já não faz as birras irritantes de quando era pequenino. Está bem mais simpático!
O mestrado lá vai, cheia de trabalhos agora para os próximos tempos: férias do Natal nem vão saber a férias, embrulhada em trabalhos diversos, miúdos em casa, rotinas que não páram.
Já estou em casa - excepto as horas das aulas, que me desloco a Lisboa - desde Setembro de 2009... já me fartei!
Mas agora nem um horáriozinho nas ofertas de escola para eu poder concorrer. Preciso espairecer, ter algumas actividades fora de casa.
Já comecei a fazer ginástica - até que enfim! - bem preciso... sempre ouvi dizer que um parto normal é mais fácil de recuperar que uma cesariana. No meu caso, possívelmente a idade, não tem ajudado a isso...
Haja paciência e força de vontade para ir ao ginásio às 8h30 da manhã :P

16.8.10

Momentos mágicos das férias

As férias passam um pouco, para mim, sem sabor a férias. 
O Diogo ocupa o meu dia e a minha noite, dá muito mais trabalho que o irmão dava e exige a nossa atenção a cada instante.
Mas no meio de amamentação, fraldas, choros, sestias de 10 minutos, birras descomunais, lá vou encontrando tempo para tirar algumas fotografia para mais tarde recordar :)
As sornas do Diogo enquanto mergulhávamos na piscina...
 O André parecia um peixe, sempre na água...
 Adoro estes olhinhos!
 Aqui a je numa breve aparição, já que não gosto de ser fotografada.
 O Nuno e o André num passeio de kayak para irem aos gelados...
 O meu filho mais velho está crescido, já nem tem medo dos cavalos!
 Uma pose à boneco...
 A espreguiçadeira nova, que veio dar um jeitão!
 Olha um pé tão lindo e gordo...
 Adoro esta posição...
 Não é só o André que anda de cavalo...o Diogo também tem direito!
 Carinha laroca, o cabelo espetado já era, está tão grande que baixou de vez...
 O André apanhado num instante...
 E como ele adora fazer bodyboard, mesmo com águas gélidas do Oeste :)
Férias: cá vamos continuando atentos a momentos mágicos que se tornem eternos com o clic de uma máquina.

21.5.10

Autismo político

Ora há coisas que me fazem muita "comichão": 
então o nosso PM não tinha dito que não era possível cancelar o TGV porque teríamos, possivelmente, que indemnizar nuestros hermanos e perderíamos dinheiros da CE, e, como tal, iríamos continuar a enterrar o país com mais uma obra estúpida e com gastos astronómicos!?

Eu devo estar louca! 

Afinal vamos gastar balúrdios com uma ligação despropositada de alta velocidade - quantos portugueses conhecem o Poceirão e a barragem do Caia?! E quantos é que estão dispostos a conhecer estes sítios perdidos no cu de Judas?! -  claro que utilizando dinheiro que já sabemos que não temos, já que o país está praticamente na banca rota, e isto apesar dos espanhóis, muito sensatos, terem cancelado a obra do TGV até Badajoz, por estarem a atravessar uma crise económica sem igual.

Sou só eu que penso assim, ou cheira-me que o PM o que quer é aparecer?! 
Ele deve querer deixar uma obra grande feita, custe o que custar... deve ser do sangue de inginheiro que lhe corre nas veias!

É uma vergonha a que a CE deveria por mão rapidamente... o autismo político que este PM tem demonstrado é caso para um internamento compulsivo URGENTE.

14.5.10

1 mês



O Diogo está a crescer depressa... e a engordar rapidamente!

O pouco peso com que nasceu já lá vai, e está a recuperar: já tem 3,870 Kg :)

Já sorri, embora pouco, e já fica intrigado com o que se passa à sua volta, rodando a cabeça à procura do mano que não pára um segundo.

As cólicas ainda continuam, embora as noites já sejam melhores.

Quanto à mama, é um verdadeiro devorador.

14.4.10

O meu filhote Diogo já nasceu!






Dia 11 de Abril, às 8h50, com 2,910 Kg, no Hospital de Cascais. Os papás estão muito felizes e o mano também!

6.4.10

Sem grandes novidades

E pronto, lá estive na consulta do hospital e ainda nada :S
Já começo a estar bem farta disto: barriga gigante, pontapés a toda a hora, contracções chatas durante a noite, noites com 4/5 horas de sono mal dormido, idas às consultas, ecografias, ctg's, toques para ver colo do útero...e como se não bastasse isso tudo, hoje resolveram alterar-me a data prevista para 2 dias depois, como se eu não estivesse já a deitar isto pelos olhos!

DIOGO vê lá se nasces, rapaz!!!

31.3.10

Ansiedade crescente

Cá estou eu ainda sem o puto ao colo... as contracções são diárias, sempre mais intensas no período nocturno, ao ponto de não ter posição de dormir.

Vamos ver quando é que o pequeno se decide a ver a luz do dia :)

18.3.10

Oito meses e picos...

Continuo grávida, e gigantesca :) a qualquer momento a barriga vai explodir e o Diogo-o-Remexido irá nascer... sim, ele não pára quieto e mal me deixa descansar!

Nos últimos dias mal tenho dormido e já tenho algumas contracções.

A ansiedade aumenta, os preparativos estão todos a postos, falta a natureza fazer o seu papel.

Quando houver mais novidades, eu aviso!